https://canalaudienciatv.files.wordpress.com/2010/07/rederecord_tvdeprimeira_logo.jpg?w=300
O crescimento do SBT na última semana se deve exclusivamente a um grave erro estratégico da Rede Record. É evidente que a mexida na grade da emissora de Sílvio Santos também serve como parâmetro para a gradual melhora, porém não se pode dizer que isto foi o diferencial, ao contrário, o ponto culminante do crescimento do SBT é mais uma vez, os erros da concorrência.
A Linha de Shows do SBT que passou a entrar no ar as 21h15, disputando audiência com as principais atrações das duas concorrentes, a novela das 9 na Globo e CSI na Record, parecia agonizar para a morte, mas ao contrário, deu uma grande guinada e conseguiu melhorar os números que beiravam o fiasco com as últimas séries. O crescimento natural provavelmente se deveu porque a emissora consegue um público diferenciado que procura na TV alternativa para a dramaturgia no horário.
Porém, o crescimento na última semana foi acentuado. Toda a linha de shows conseguiu resultados surpreendentes com médias beirando os dois dígitos e momentos de vice-liderança. Este é o ponto crucial da discussão. Os programas são os mesmos, o horário é o mesmo já há algum tempo, mas então por que houve crescimento? Seria o público redescobrindo a programação da emissora? Certamente que não. O ponto está num grave erro estratégico da Rede Record.
Após conseguir números impressionantes de média e pico com a série americana CSI, sem nenhum motivo aparente, a emissora decidiu parar a exibição de episódios inéditos após terminar a 4ª temporada da série. Com o fim da temporada, sem nenhum anúncio ou explicação para os fãs, a Record simplesmente retomou a exibição da 1ª temporada, ainda bem fresca na memória do telespectador que acompanhava fielmente cada episódio.
Este erro pode custar caro, pois todos sabem que televisão é costume e, se a Record demorar muito para perceber a rejeição do público nesta reprise, certamente será tarde demais, pois tudo caminha para que em pouco tempo a Linha de Shows do SBT consiga a vice-liderança com relativa tranquilidade, além do fato das reprises irritarem o telespectador, é preciso observar que praticamente todos os programas do SBT no horário são muito bons e chamam a atenção de quem vê.
É claro que a emissora de Sílvio Santos está longe de ter a força e qualquer condição para retomar a vice-liderança na média geral, porém, retomar a vice-liderança no horário é algo valioso e seria uma perda grande para a Record que sofreu em 2009 com o 3º lugar no horário.
Por Daniel César
Fonte: TVxTV